Chapati o Pão Indiano

Eu já fiz um pão de minuto que não leva fermento biológico e não precisa ser sovado, como na maioria dos pães. Além de assar em 20 minutinhos. Hoje eu vou mostrar o pão chapati que é um pão indiano feito com farinha de trigo integral. Esse pão não leva nenhum tipo de fermento, mas vamos usar a técnica de sovar a massa até que ela fique macia.

Para massas que não levam fermento na receita, não é necessário ficar sovando a massa por muito tempo. Sove apenas o suficiente para que os ingredientes fiquem bem misturados e a massa fique lisa. Caso contrário, a massa poderá sair dura (ao contrário das receitas de pão que exigem que o glúten se desenvolva por meio da sova intensa, massas que não levam fermento podem ficar duras com o glúten).

O Chapati, assim como o pão de minuto vai ser assado assim que a massa estiver pronta, no caso do Chapati ele vai ser assado no fogão em uma frigideira. Pronto em instantes.

A receita veio do programa da Rita Lobo na GNT e tem um vídeo lá na página do site onde ela ensina a fazer esse pão. Recomendo muito assistir.

Ingredientes: (6 unidades)

  • 1 xícara de farinha de trigo integral passada na peneira
  • ½ colher de chá de sal
  • ½ xícara de água
  • 1 colher de sopa de óleo ou azeite

Preparo:

  1. Numa tigela grande, misture a farinha de trigo integral com o sal.
  2. Regue com metade da água e misture com a mão, até formar uma farofa grossa.
  3. Adicione o óleo e misture com as pontas dos dedos.
  4. Aos poucos, junte o restante da água, sovando a massa com a mão.
  5. DICA: Em todas as receitas de pão NUNCA, NUNCA e NUNCA coloque toda a água na massa, mesmo que seja a quantidade que vem na receita. Esse é o erro básico de fazer pão. A água ou qualquer liquido que esteja na receita deve ser sempre adicionado aos poucos. É fato que dependendo do clima do dia a farinha necessita de mais ou menos quantidade de água para dar a liga da massa. Se o dia estiver mais úmido você vai usar uma quantidade menor de água. Quando adicionamos todo o liquido na massa corremos o risco da farinha não conseguir absorver tudo e a massa ficará muito mole e impossível de trabalhar. Nesse ponto você vai precisar usar mais farinha para dar o ponto e ai corre-se o risco do pão ficar muito pesado.

  6. Aperte, amasse, estique e amasse novamente, dentro da tigela, por cerca de cinco minutos, até atingir uma textura macia e elástica. Se preferir sovar na bancada, polvilhe a superfície com uma camada bem fina de farinha de trigo. Mas evite juntar mais farinha na massa. Ela fica bem molenga inicialmente e, à medida que vamos sovando, ela fica no ponto.
  7. Polvilhe uma bancada de trabalho com farinha de trigo e faça um rolinho com a massa. Com uma faca (ou espátula) divida em 6 porções.
  8. Enrole com as mãos cada pedaço, como se fosse um brigadeiro.
  9. Abra a bolinha com o rolo de macarrão, até formar um disco fino – se a massa começar a grudar no rolo ou na bancada polvilhe mais farinha.
  10. Enquanto abre os discos, aqueça uma frigideira (de preferência antiaderente) em fogo médio, sem untar.
  11. Quando estiver quente, coloque o disco de massa e deixe o pão assar por cerca de 20 a 30 segundos, até começar a formar bolhas.
  12. Vire o pão e deixe por mais 15 segundos na frigideira. Enquanto isso, acenda uma outra boca do fogão.
  13. Tire o pão da frigideira com uma pinça e coloque diretamente na chama da outra boca do fogão para inflar e chamuscar levemente.
  14. Transfira o pão para um prato e repita com o os outros discos. Você também pode finalizar os chapatis na frigideira, basta deixar cozinhar por mais tempo depois de virar.
  15. Sirva a seguir.
  16. Para manter os pãezinhos macios, conserve em um saco plástico por até 3 dias.

Eu como esse pão com requeijão, manteiga, patês, chutney de frutas, mel. Além de cortar em pedacinhos e molhar o pão no molho que você quiser, também dá para fazer sanduíches e enrolar o pão como um wrap.

pao-indiano-chapati-prato-pra-um

 

[sgmb id=”1″]

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>