Pegando Fogo

Pegando Fogo (Burnt – 2015) não tem as melhores críticas que eu já li, mas é um bom filme para quem aprecia mais a arte culinária do que a cinematográfica.

O filme tem todos os elementos que faz o público se prender a ele, o drama da superação do personagem principal ao chegar no fundo do poço e destruir a sua carreira e de pessoas queridas e próximas, tem romance, ação, e ótimos e reconhecidos atores. Os críticos tem suas razões para não gostarem do filme e eu respeito, mas o publico em geral vai adorar, principalmente por trazer Bradley Cooper e Sienna Miller nos papeis principais.

Adam Jones (Bradley Cooper) é um americano que muito jovem foi morar na França para perseguir a carreira de chef. Obteve muito sucesso ainda cedo na vida e não sabendo lidar com a situação entrou nas drogas e acabou por afundar sua carreira e a de todos que estavam a sua volta. Depois de passar algum tempo escondido nos Estados Unidos se penitenciando e tentando se livrar das drogas e do álcool ele volta a Europa para recomeçar de onde parou, só que desta vez ele vai para Londres disposto não simplesmente a recomeçar a carreira, mas a retornar ao topo de antigamente.

O que Pegando Fogo tem de melhor é mostrar o funcionamento de um restaurante de alta gastronomia que quer alcançar três estrelas do guia Michelan. O filme mostra a renovação de um restaurante, a contratação dos membros da equipe, a criação do menu e a necessidade constante de estar a frente do que já existe no mundo gastronômico, a rivalidade entre os grandes chefes e principalmente o funcionamento da cozinha a todo o vapor.

Pegando Fogo não é um grande filme, mas entrega ao espectador um panorama interessante sobre os bastidores de um restaurante de elite e até o dia 28/10/16 o sinal da rede Telecine está aberto e é possível assistir a esse filme e outros sem pagar.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>